clique aqui).

Não tenho como negar que já vim para o Valle Sagrado com uma enorme expectativa. Pois o hotel superou tudo o que esperava encontrar, e posso afirmar que o Hotel Explora Valle Sagrado é um dos melhores hotéis que conheço na América do Sul.

Além da pegada de aventura do hotel, marca característica dos hotéis do grupo, o Hotel Explora Valle Sagrado é também uma excelente opção para quem quer viajar para desestressar. Arrisco caracterizá-lo também como um hotel de wellness (com “w” maiúsculo), pois tem todos os ingredientes que um destino de “bem estar” exige.

 

O Hotel

Localizado no Valle Sagrado dos Incas, na cidade de Urquillos, o Hotel Explora Valle Sagrado ainda é uma fazenda de milho ativa, que aluga suas terras para agricultores da comunidade local. Os campos de milho e a atividade gerada em torno deles dá ao hotel um ar rural irresistivelmente charmoso. E os campos de milho são também de enorme beleza.

O hotel em si é dividido em 5 prédios e sua arquitetura casa de forma harmoniosa com o cenário dos campos e das montanhas das cordilheiras ao redor. Com o mesmo estilo Explora dos outros hotéis do grupo, a decoração tem muita madeira e um ar de casa de amigos, onde nos sentimos imediatamente acolhidos ao chegar.

O prédio principal acomoda a recepção, a loja, o restaurante, o bar, uma sala de conferências, dois lounges e terraços debruçados para o visual do Valle Sagrado.

Como os outros hotéis do grupo, o Hotel Explora Valle Sagrado também tem o sistema de pensão completa, ou “all inclusive”, e a acomodação, expedições e tudo o que é consumido no hotel está incluído no valor da tarifa, com exceção das massagens e dos vinhos premium.

 

Os quartos

O Hotel Explora Valle Sagrado tem 50 quartos divididos em 3 prédios, e têm duas categorias: os quartos standard e as suítes. Todos são muito espaçosos e têm vista para os campos de milho e as montanhas. São decorados com bom gosto e fazem muito uso de madeira.

As camas são divinas! Enormes e muito confortáveis. Os quartos contam com banheira – com vista para as montanhas – e uma escrivaninha. Cofre, secador, wi-fi e uma estação de chás locais que adoro, chá de muña e chá de coca.

 

O Spa, a piscina e saunas

O spa do hotel é um capítulo à parte. Situado num casa datada do século XVIII, e cercada por campos de milhos tão altos que quase fazem a casa sumir, o local é de enorme beleza. A casa pertenceu à uma das amantes do líder Inca Mateo Pumacahua, que trabalhava para os espanhóis e tomava conta de quase toda a região. A casa é o que há de mais lindo no hotel, com suas pinturas originais nas paredes e teto de madeira original.

As massagens oferecidas no spa são excelentes e são feitas em quatro quartos para tratamentos. Todos têm lareira e as pinturas nas paredes datadas do sec XVIII. Um cenário de sonho. A área para relaxamento fica na varanda da casa, ornada com belos arcos de pedra, que nos faz lembrar da colonização espanhola da região.

A piscina fica ao lado do prédio e é cercada por um jardim repleto de flores e árvores. Duas jacuzzis e um mini-bar estão à disposição dos hóspedes full-time. Uma maneira deliciosa de terminar um dia após uma trilha nas montanhas.

O spa conta ainda com um espaço com sauna seca e a vapor, chuveiros e um vestiário. Nota 1000!

 

Gastronomia

A gastronomia do hotel está a cargo do chefe sensação do Peru, Virgílio Martinez. Dono do badaladérrimo restaurante Central, em Lima, e do Mil, ao lado do sítio arqueológico de Moray.

O Chef elaborou um menu excelente para o hotel com varias opções de pratos para o almoço e o jantar. A cada refeição, ao menos cinco opções de entradas, cinco de prato principal e cinco de sobremesa de culinárias diferentes. Muitos pratos peruanos, e também opções de pratos da culinária italiana, saladas e carnes.

Tudo o que comi no hotel estava delicioso, desde o café-da-manhã, passando por almoço e jantar, até os snacks durante as expedições. Os vinhos servidos eram Argentinos, todos ótimos. E o hotel também oferece uma carta de vinhos premium, que são pagos por fora.

 

Expedições

O Hotel Explora Valle Sagrado conta com mais de 40 expedições. Trilhas pelas montanhas, visitas a vilarejos, mercados de artesanato, passeios de Mountain bike e visitas a sítios arqueológicos locais, como Machu Picchu, Ollantaytambo, Pisac e Moray. São várias opções, mas sempre com a marca registrada do hotel: passeios diferentes dos que são oferecidos na região, com foco no que há de mais bonito e intocado no local.

Durante minha estadia fiz três expedições, todas muito boas e bem organizadas. Foram elas:

 

Trilha Arin

Saímos de van do hotel, e nosso trajeto durou 40 minutos até o alto das montanhas. Cruzamos uma trilha linda ladeando o vilarejo de Arin e a vista para as montanhas da cordilheira era espetacular.

Vimos as belas plantas da região e muitas ervas pelo caminho, como hortelã, sálvia, muña e muito eucalipto. A trilha de 3km, durou duas horas e foi fácil e agradável, perfeita para começar a estadia no Valle Sagrado.

Meu guia Jan era um amor de pessoa, e me explicou tudo sobre a flora local. No final, antes da descida para Arin, fomos brindados com uma bela vista de uma queda d’água linda.

 

Trilha Moray

A trilha para Moray começou com uma viagem de van que durou uma hora até o vilarejo de Minismay. Conversamos com alguns locais e seguimos a trilha pela montanha ladeando os belos campos do Platô de Maras, belíssimos!

Pelo caminho, vimos muitas plantas, campos, uma escola primária e muitos bichos. Um cenários rural encantador! Ao final da trilha, paramos em um mirante para admirar o sítio arqueológico de Moray, um dos mais especiais da região. A trilha durou 3 horas de caminhada fácil, que terminou em um belo campo de flores.

Chinchero

Fiz a expedição para Chinchero na parte da tarde e optei por não fazer a trilha para a comunidade local, que tinge a lã de Alpaca usando uma técnica tradicional Andina. Começamos com a  viagem de van até Chinchero, que durou uma hora e cruzamos a bela paisagem dos campos de Urubamba.

A visita à cidade foi rápida mas muito especial, com destaque para a visita à linda Igreja de Chinchero, que abriga a imagem da Nossa Senhora da Natividad. A praça principal e as ruazinhas da cidade são umas graças, e as lojinhas de artesanato local são charme puro. Um passeio simplesmente encantador!

Hospitalidade

Durante minha estadia no Explora Valle Sagrado fui recebida com simpatia e gentileza pelo staff do hotel. Com destaque absoluto para os garçons do hotel, todos extremamente carinhosos e gentis, sempre prontos para me ajudar com algo, e com um largo sorriso no rosto. Destaco também a simpatia e conhecimento do guia Jan, alemão de Hessen (terra do meu marido! rs), que fez comigo a trilha mais linda viagem, a trilha Arin.

 

Agradeço de coração ao Hotel Explora Valle Sagrado por uma estadia muito gostosa! Espero voltar em breve, com a família, para fazer as trilhas para as montanhas, que tanto ouvi falar!

 

Hotel Explora Valle Sagrado

Endereço: Unnamed Rd Urquillos, Peru

Telefone: (084) 300000

Tarifas: all inclusive a partir de US$995 pp/noite

Categoria FFTravels

**** 1/2

Localização no mapa

 

"/>
Peru

Hotel Explora Valle Sagrado

Hotel Explora Valle Sagrado

Não escondo de ninguém que sou fã de carteirinha do grupo hoteleiro Explora. Adoro o conceito de luxo de essencial que os hotéis tem como pilar, e sou apaixonada pela maneira como mostram aos hóspedes sempre o lado mais bonito e especial dos destinos que escolhem para operar seu hotéis. O Hotel Explora Valle Sagrado é o segundo hotel do grupo que visito, tendo visitado também o Hotel Explora Patagônia recentemente (para ler o artigo completo sobre o hotel, clique aqui).

Não tenho como negar que já vim para o Valle Sagrado com uma enorme expectativa. Pois o hotel superou tudo o que esperava encontrar, e posso afirmar que o Hotel Explora Valle Sagrado é um dos melhores hotéis que conheço na América do Sul.

Além da pegada de aventura do hotel, marca característica dos hotéis do grupo, o Hotel Explora Valle Sagrado é também uma excelente opção para quem quer viajar para desestressar. Arrisco caracterizá-lo também como um hotel de wellness (com “w” maiúsculo), pois tem todos os ingredientes que um destino de “bem estar” exige.

 

O Hotel

Localizado no Valle Sagrado dos Incas, na cidade de Urquillos, o Hotel Explora Valle Sagrado ainda é uma fazenda de milho ativa, que aluga suas terras para agricultores da comunidade local. Os campos de milho e a atividade gerada em torno deles dá ao hotel um ar rural irresistivelmente charmoso. E os campos de milho são também de enorme beleza.

O hotel em si é dividido em 5 prédios e sua arquitetura casa de forma harmoniosa com o cenário dos campos e das montanhas das cordilheiras ao redor. Com o mesmo estilo Explora dos outros hotéis do grupo, a decoração tem muita madeira e um ar de casa de amigos, onde nos sentimos imediatamente acolhidos ao chegar.

O prédio principal acomoda a recepção, a loja, o restaurante, o bar, uma sala de conferências, dois lounges e terraços debruçados para o visual do Valle Sagrado.

Como os outros hotéis do grupo, o Hotel Explora Valle Sagrado também tem o sistema de pensão completa, ou “all inclusive”, e a acomodação, expedições e tudo o que é consumido no hotel está incluído no valor da tarifa, com exceção das massagens e dos vinhos premium.

 

Os quartos

O Hotel Explora Valle Sagrado tem 50 quartos divididos em 3 prédios, e têm duas categorias: os quartos standard e as suítes. Todos são muito espaçosos e têm vista para os campos de milho e as montanhas. São decorados com bom gosto e fazem muito uso de madeira.

As camas são divinas! Enormes e muito confortáveis. Os quartos contam com banheira – com vista para as montanhas – e uma escrivaninha. Cofre, secador, wi-fi e uma estação de chás locais que adoro, chá de muña e chá de coca.

 

O Spa, a piscina e saunas

O spa do hotel é um capítulo à parte. Situado num casa datada do século XVIII, e cercada por campos de milhos tão altos que quase fazem a casa sumir, o local é de enorme beleza. A casa pertenceu à uma das amantes do líder Inca Mateo Pumacahua, que trabalhava para os espanhóis e tomava conta de quase toda a região. A casa é o que há de mais lindo no hotel, com suas pinturas originais nas paredes e teto de madeira original.

As massagens oferecidas no spa são excelentes e são feitas em quatro quartos para tratamentos. Todos têm lareira e as pinturas nas paredes datadas do sec XVIII. Um cenário de sonho. A área para relaxamento fica na varanda da casa, ornada com belos arcos de pedra, que nos faz lembrar da colonização espanhola da região.

A piscina fica ao lado do prédio e é cercada por um jardim repleto de flores e árvores. Duas jacuzzis e um mini-bar estão à disposição dos hóspedes full-time. Uma maneira deliciosa de terminar um dia após uma trilha nas montanhas.

O spa conta ainda com um espaço com sauna seca e a vapor, chuveiros e um vestiário. Nota 1000!

 

Gastronomia

A gastronomia do hotel está a cargo do chefe sensação do Peru, Virgílio Martinez. Dono do badaladérrimo restaurante Central, em Lima, e do Mil, ao lado do sítio arqueológico de Moray.

O Chef elaborou um menu excelente para o hotel com varias opções de pratos para o almoço e o jantar. A cada refeição, ao menos cinco opções de entradas, cinco de prato principal e cinco de sobremesa de culinárias diferentes. Muitos pratos peruanos, e também opções de pratos da culinária italiana, saladas e carnes.

Tudo o que comi no hotel estava delicioso, desde o café-da-manhã, passando por almoço e jantar, até os snacks durante as expedições. Os vinhos servidos eram Argentinos, todos ótimos. E o hotel também oferece uma carta de vinhos premium, que são pagos por fora.

 

Expedições

O Hotel Explora Valle Sagrado conta com mais de 40 expedições. Trilhas pelas montanhas, visitas a vilarejos, mercados de artesanato, passeios de Mountain bike e visitas a sítios arqueológicos locais, como Machu Picchu, Ollantaytambo, Pisac e Moray. São várias opções, mas sempre com a marca registrada do hotel: passeios diferentes dos que são oferecidos na região, com foco no que há de mais bonito e intocado no local.

Durante minha estadia fiz três expedições, todas muito boas e bem organizadas. Foram elas:

 

Trilha Arin

Saímos de van do hotel, e nosso trajeto durou 40 minutos até o alto das montanhas. Cruzamos uma trilha linda ladeando o vilarejo de Arin e a vista para as montanhas da cordilheira era espetacular.

Vimos as belas plantas da região e muitas ervas pelo caminho, como hortelã, sálvia, muña e muito eucalipto. A trilha de 3km, durou duas horas e foi fácil e agradável, perfeita para começar a estadia no Valle Sagrado.

Meu guia Jan era um amor de pessoa, e me explicou tudo sobre a flora local. No final, antes da descida para Arin, fomos brindados com uma bela vista de uma queda d’água linda.

 

Trilha Moray

A trilha para Moray começou com uma viagem de van que durou uma hora até o vilarejo de Minismay. Conversamos com alguns locais e seguimos a trilha pela montanha ladeando os belos campos do Platô de Maras, belíssimos!

Pelo caminho, vimos muitas plantas, campos, uma escola primária e muitos bichos. Um cenários rural encantador! Ao final da trilha, paramos em um mirante para admirar o sítio arqueológico de Moray, um dos mais especiais da região. A trilha durou 3 horas de caminhada fácil, que terminou em um belo campo de flores.

Chinchero

Fiz a expedição para Chinchero na parte da tarde e optei por não fazer a trilha para a comunidade local, que tinge a lã de Alpaca usando uma técnica tradicional Andina. Começamos com a  viagem de van até Chinchero, que durou uma hora e cruzamos a bela paisagem dos campos de Urubamba.

A visita à cidade foi rápida mas muito especial, com destaque para a visita à linda Igreja de Chinchero, que abriga a imagem da Nossa Senhora da Natividad. A praça principal e as ruazinhas da cidade são umas graças, e as lojinhas de artesanato local são charme puro. Um passeio simplesmente encantador!

Hospitalidade

Durante minha estadia no Explora Valle Sagrado fui recebida com simpatia e gentileza pelo staff do hotel. Com destaque absoluto para os garçons do hotel, todos extremamente carinhosos e gentis, sempre prontos para me ajudar com algo, e com um largo sorriso no rosto. Destaco também a simpatia e conhecimento do guia Jan, alemão de Hessen (terra do meu marido! rs), que fez comigo a trilha mais linda viagem, a trilha Arin.

 

Agradeço de coração ao Hotel Explora Valle Sagrado por uma estadia muito gostosa! Espero voltar em breve, com a família, para fazer as trilhas para as montanhas, que tanto ouvi falar!

 

Hotel Explora Valle Sagrado

Endereço: Unnamed Rd Urquillos, Peru

Telefone: (084) 300000

Tarifas: all inclusive a partir de US$995 pp/noite

Categoria FFTravels

**** 1/2

Localização no mapa

 

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *